Entenda os requisitos e o processo para ser doador de medula óssea

O transplante de medula é um tratamento que pode beneficiar diversas doenças em diferentes estágios, como leucemias, linfomas, anemias graves, hemoglobinopatias, imunodeficiências congênitas, erros inatos de metabolismo, mieloma múltiplo e doenças autoimunes, por exemplo. O procedimento consiste em substituir uma medula óssea deficiente por células normais de medula óssea, com a finalidade de reconstituir uma medula saudável. No entanto, para quem precisa, não é tão simples assim encontrar um doador – estima-se que a chance de achar alguém compatível é de 1 a cada 100 mil, mas esse número pode aumentar ainda mais, dependendo da miscigenação.

No Brasil, por exemplo, a mistura de raças dificulta um pouco a localização de doadores compatíveis, mas dados mostram que hoje existem mais de 3 milhões cadastrados no Registro Nacional de Doadores Voluntários de Medula Óssea (Redome).

Para quem quer ser doador, existem alguns requisitos, como ter uma boa saúde (sem doenças infecciosas, como hepatite, Chagas, HIV, sífilis e outros problemas como diabetes, câncer e doenças específicas do sangue) e ter entre 18 e 55 anos para fazer o cadastro, mas ele pode ser chamado até os 60 anos.

Confira abaixo como é o processo para ser doador:

1.    A pessoa precisa comparecer a um hemocentro para fazer um cadastro com seus dados pessoais e a coleta de uma amostra de sangue para realizar os testes genéticos. Nesse momento, não são feitos exames para verificar doenças e a informação válida é a dada pelo doador. Depois de feito o cadastro, ele pode ser chamado em 5, 10 ou 15 anos, dependendo da necessidade de um paciente pela compatibilidade do doador. É preciso, no entanto, manter o cadastro atualizado para que a pessoa seja encontrada.

2.    Se for selecionado, são feitos testes no doador para verificar se há doenças e se ele tem condições de doar. 

3.    Se ele estiver em condições, a coleta da medula pode ser feita por dois métodos. O mais tradicional é o que retira da bacia, com uma agulha, com anestesia geral ou peridural. O outro é através da veia, onde se retira células tronco do sangue do paciente - essas células têm a capacidade de se regenerar em 20 dias. A decisão de qual método usar é do médico, que saberá qual procedimento vai proteger o doador e beneficiar o receptor.

Procure o posto de coleta mais próximo do seu munícipio:

Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará – Hemoce

Av. José Bastos, 3390 - Rodolfo Teófilo, Fortaleza-CE 

CEP: 60.431-086

Fone: (85) 3101.2296 - 0800 286 2296 | Fax: (85) 3101.2307

 

Hemocentro Regional Crato - CE

Rua Coronel Antônio Luís, 1.111 - Bairro: Pimenta

Cep: 63105-000 Crato/CE

Fone: (88) 3102.1260/1261

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

7h às 17h30min, de segunda a sexta-feira

7h às 11h30min, aos sábados

 

Hemocentro Regional Iguatu - CE

Rua: Edilson de Melo Távora, s/n - Bairro: Vila Centenário

Iguatu/Ce - Cep: 63500-000

Fone: (88) 3581.9409/3581.9408 - Fax: (88) 3581.9410

 Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

7h às 18h, de segunda a sexta-feira

 

Hemocentro Regional Quixadá – CE

Av. Francisco Almeida Pinheiro, 2340, Planalto Universitário

Quixadá/Ce

(88) 3445.1009 / 99902.4306

Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

7h às 16h30min, de segunda a sexta-feira

7h às 12h e 13h às 16h30min, aos sábados

 

Hemocentro Regional Sobral – CE

Rua: Jânio Quadros, s/n- Bairro Santa Casa 

Cep: 62.010-680 – Sobral/CE

Fone: (88) 3677.4624/3677.4627

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

7h às 18h, de segunda a sexta-feira

8h às 12h, aos sábados 

 

Hemocentro Regional Juazeiro do Norte – CE

Hemonúcleo de Juazeiro do Norte

Rua: Beata Maria de Araújo, S/N - Romeirão

Tel: (088) 3102.1169 / 3102.1170

 Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

7h às 17h30min, de segunda a sexta-feira

12 as 17h, aos sábados

Leia mais ...

Eleitor tem até 18 de março para realizar cadastro biométrico no Ceará

O Tribunal Regional Eleitoral do Ceará – TRE-CE, informa aos eleitores de 46 munícipios do Ceará para que fiquem atentos ao prazo final de recadastramento biométrico. Os trabalhos permanecem até o dia 18 de Março de 2016, prazo limite para recadastramento biométrico, e é importante que os eleitores procurem a zona eleitoral de seu município. O TRE-CE montou uma infraestrutura para o atendimento dos eleitores, que pode ser feito através de agendamento pelo telefone 148, ou no site do TER-CE (http://www.tre-ce.jus.br/). O atendimento ocorre também nos cartórios eleitorais, de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h.  

Fique atento

Procure o TRE-CE o mais rápido possível, pois quem não comparecer no prazo estabelecido, terá o título cancelado e não votará nas eleições de 2016. Lembrando, se você não estiver em dias com a Justiça Eleitoral, você pode ser impedido de participar de concursos, vestibulares, e não pode ser admitido em empresas. 

Relação de Municípios 

Os 46 municípios cearenses que encerrarão os trabalhos de recadastramento biométrico no próximo dia 18 de março são: Altaneira, Amontada, Aratuba, Banabuiú, Barbalha, Baturité, Bela Cruz, Brejo Santo, Capistrano, Caridade, Cariré, Caririaçu, Cariús, Crato, Farias Brito, Frecheirinha, Granjeiro, Groaíras, Horizonte, Irauçuba, Itaitinga, Itapagé, Itapipoca, Itapiúna, Itarema, Jardim, Jati, Jucás, Maracanaú, Marco, Meruoca, Miraíma, Missão Velha, Mulungu, Nova Olinda, Ocara, Paraipaba, Paramoti, Penaforte, Porteiras, Quixeré, Santana do Cariri, Tejuçuoca, Tianguá, Várzea Alegre e Viçosa do Ceará. 

 

Leia mais ...

Casos suspeitos de microcefalia associados ao zika vírus aumentam no Ceará

Aumentou para 216 o número de casos de microcefalia associada ao zika vírus no Ceará, de acordo com boletim divulgado na última segunda-feira, 18, pela Secretaria de Saúde do Estado do Ceará (SESA).  Os casos foram identificados em 51 municípios e em 15 regiões de saúde.

Ainda segundo informações da SESA, do total de casos suspeitos, 208 estão em investigação, e em apenas um deste foi confirmado o óbito, na cidade de Tejuçuoca, munícipio a 159km de Fortaleza. Os outros casos foram descartados. Dentre os 216 casos, foi constatado a microcefalia em 92% pós-parto, e em 8% detectada na forma intra-uterina.

Conhecendo o zika

O vírus Zika é transmitido especialmente por mosquitos infectados, principalmente o mosquito da dengue (Aedes Aegypti). A maioria das pessoas infectadas não tem sintomas, mas quando surgem são principalmente erupções na pele, olhos vermelhos e dores no corpo. Os sintomas desaparecem geralmente em uma semana. 

Você pode colaborar com a prevenção:         

 

  • Mantenha o lixo em sacos fechados e espere o carro de coleta do seu município.
  • Evite o acumulo de água em potes, garrafas, pneus, e em vasos de plantas.   
  • É essencial que a caixa d’água esteja sempre limpa e coberta com uma tela de proteção.
  • Limpar ralos e solicitar ao agente de endemias da sua região o uso de produtos para evitar proliferação do mosquito.
  • Mantenha portas e janelas fechadas.

Cuidados 

O Ministério da Saúde alerta sobre alguns cuidados e faz algumas recomendações às gestantes: 

  • É importante atualizar as vacinas de acordo com o calendário vacinal do programa nacional de imunização do Ministério da Saúde.
  • Redobre a atenção sobre a qualidade daquilo que se ingere (água, alimentos, medicamentos), o que você consome ou se tem contato, devemos levar em consideração a ação desses produtos no desenvolvimento do bebê.
  • Proteger-se das picadas de insetos, evitando horários e lugares com presença de mosquitos e, sempre que possível, utilizar roupas que protejam o corpo.
  • Consulte o médico sobre o uso de repelentes e verifique atentamente no rótulo a concentração do produto e definição da frequência do uso para gestantes
  • É importante o uso de telas de proteção, mosquiteiros e ar-condicionado também são medidas de proteção.
  • Se houver qualquer alteração no estado de saúde, principalmente no período até o quarto mês de gestação, comunicar aos profissionais de saúde.
  • Mantenha portas e janelas fechadas.
Leia mais ...

24 de janeiro é o dia Nacional dos Aposentados

Comemora-se o Dia Nacional do Aposentado no dia 24 de janeiro, a partir da criação da Lei 6.926/1981 de autoria do ex-deputado federal e ex-presidente da 

Confederação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos (Cobap), Benedito Marcilio. A data foi escolhida para lembrar e comemorar o histórico dia que foi aprovado a Lei Eloy Chaves em 24 de janeiro de 1923, criando a Caixa de Aposentadoria e Pensão para os empregados das estradas de ferro, dando origem à Previdência Social, que hoje paga benefícios  a mais de 28 milhões de pessoas.

A Previdência Social é o seguro social para a pessoa que contribui. É uma instituição pública que tem como objetivo reconhecer e conceder direitos aos seus segurados. A renda transferida pela Previdência Social é utilizada para substituir a renda do trabalhador contribuinte, quando ele perde a capacidade de trabalho, seja pela doença, invalidez, idade avançada, morte e desemprego involuntário, ou mesmo a maternidade e a reclusão.

Para ter direito ao benefício da Previdência Social, o trabalhador deve pagar uma contribuição mensal durante um determinado período ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). O tempo de contribuição varia de acordo com o tipo de aposentadoria. O INSS administra o recebimento dessas mensalidades e paga os benefícios aos aposentados que contribuíram e que se aposentaram.

Tipos de aposentadorias:

  • Aposentadoria por tempo de contribuição
  • Aposentadoria com a fórmula 85/95
  • Aposentadoria especial
  • Aposentadoria por idade
  • Aposentadoria por invalidez
  • Aposentadoria proporcional

Para mais informações acesse: http://www.previdencia.gov.br/

 

Leia mais ...

Eleições 2016: 4 de maio é a data limite para regularizar o Título de Eleitor

Todo ano, os eleitores têm um prazo para regularizar o Título de Eleitor. De acordo com o calendário eleitoral, divulgado Tribunal Superior Eleitoral (TSE), vence no dia 04 de maio de 2016 o prazo para que o interessado aliste-se como eleitor “tire o título” ou modifique o seu domicílio eleitoral, transferindo seu título de um município para outro, ou mesmo altere o local em que vota dentro do mesmo município. Para emitir o título de eleitor ou regularizar a situação eleitoral, é necessário dirigir-se ao Tribunal Regional Eleitoral (TER) mais próximo.

Leia mais ...
Assinar este feed RSS